Hist?rico de comandos

Uma dica importante para usu?rios e administradores de sistema ? quanto o uso do hist?rico do bash.

Muitos Cracker usam a t?cnica de desabilitar o hist?rico do bash para poder fazer um ataque mais oculto no sistema.

Para desabilitar o hist?rico do bash ? usado o comando:

#unset HISTFILE

at? mais.

Posted in Sem categoria

Configura??o da Impressora_no_Debian

O m?todo tradicional ? lpr/lpd. H? um novo sistema: CUPS? (Common UNIX Printing System). PDQ ? outra op??o. Veja Linux Printing HOWTO para mais informa??es.

pr/lpd

Para os spoolers do tipo lpr/lpd (lpr, lprng, e gnulpr), configure /etc/printcap como se segue, deste que conectado a um impressora PostScript ou somente texto (o b?sico):

lp|alias:\
:sd=/var/spool/lpd/lp:\
:mx#0:\
:sh:\
:lp=/dev/lp0:

Significado das linhas acima:

* Linha cabe?alho: lp ? nome do spool, alias = alias
* mx#0 ? tamanho m?ximo do arquivo ? ilimitado
* sh ? suprime a impress?o da primeira p?gina do cabe?alho
* lp=/dev/lp0 ? dispositivo de impressora local, ou porta@host, se remota

Esta ? uma boa configura??o se voc? est? conectado a uma impressora PostScript. Al?m disto, quando imprimir a partir de uma m?quina Windows atrav?s do Samba, esta ? uma boa configura??o para qualquer impressora suportada por Windows (nenhuma comunica??o bidirecional ? suportada). Voc? tem d e selecionar a configura??o da impressora correspondente na m?quina Windows.

Se voc? n?o tem uma impressora PostScript, voc? precisa configurar um sistema de filtros usando gs. H? v?rias ferramentas para autoconfigura??o com a finalidade de configurar /etc/printcap. Quaisquer destas combina??es ? uma op??o:

* gnulpr, (lpr-ppd) e printtool ?eu uso isto.
* lpr e apsfilter
* lpr e magicfilter
* lprng e lprngtool
* lprng e apsfilter
* lprng e magicfilter

Para rodar uma ferramenta de configura??o GUI, tal como printtool, veja Obtendo root no X, Se??o 9.4.12 para obter privil?gios de root. Impressoras spools criadas com printtool usam gs e agem como impressoras PostScript. Assim, quando as acessar, use drivers de impressora PostScript. Na perspectiva do Windows, “Apple LaserWriter” ? o ?nico padr?o.

CUPS?

Instale o Sistema de Impress?o Comum UNIX (Common UNIX Printing System) (ou CUPS?):

# apt-get install cupsys foomatic-bin foomatic-db
# apt-get install cupsys-bsd cupsys-driver-gimpprint

Ent?o configure o sistema usando qualquer navegador web:

$ meunavegador http://localhost:631

Por exemplo, para adicionar sua impressora em alguma porta ? lista de impressoras acess?veis:

* clique “Printers” na p?gina principal e, e ent?o “Add Printer”,

* tecle “root” para o nome de usu?rio e sua senha,

* adicione a impressora seguindo os prompts,

* volte para a p?gina “Printers” e clique “Configure Printer”, e

* configure o tamanho do papel, resolu??o, e outros par?metros.

Mais informa??o em http://localhost:631/documentation.html e http://www.cups.org/cups-help.html.

Para um kernel 2.4, veja tamb?m Suporte a porta paralela, Se??o 7.2.6.

Outras dicas de instala??o no host
Instalar mais alguns pacotes ap?s a instala??o inicial

Desde que voc? j? o tenha feito, j? ter? um pequeno mas funcional sistema Debian. ? um bom momento para instalar pacotes maiores.

* Rode tasksel. Veja Instalar tarefa com o tasksel ou aptitude, Se??o 6.2.1.

Voc? pode escolher estes, se necess?rio:
o End-user (usu?rio final) ? X Window System
o Development (desenvolvimento) ? C and C++
o Development ? Python
o Development ? Tcl/Tk
o Miscellaneous ? TeX/LaTeX environment
o Para outros, eu prefiro usar o tasksel como um guia, olhando os componentes listados sob e instalando-os seletivamente atrav?s do dselect.

* Rode dselect.

Aqui, a primeira coisa que talvez voc? queira ? selecionar seu editor favorito e quaisquer programas que voc? necessitar. Voc? pode instalar muitas varia??es do Emacs ao mesmo tempo. Veja dselect, Se??o 6.2.3 e Editores populares, Se??o 11.1.

Voc? pode tamb?m substituir alguns dos pacotes padr?es por outros com muitos recursos.
o lynx-ssh (ao inv?s de lynx)
o …

* …

Normalmente, eu edito /etc/inittab para desligar facilmente.


# O que fazer quando CTRL-ALT-DEL ? pressionado.
ca:12345:ctrlaltdel:/sbin/shutdown -t1 -a -h now

Posted in Sem categoria

apt-get para slackware

Apt-get do Slackware

Ao escolher uma distribui??o Unix/Linux para rodar em Servidores devem ser analisados v?rios pontos: estabilidade, disponibilidade, ferramentas de configura??es dispon?veis, ferramentas de atualiza??es, agilidade na corre??o de erros por parte dos desenvolvedores etc..
Um grande chamativo para os administradores hoje em dia s?o as ferramentas de instala??o/atualiza??o de pacotes on-line como o “apt-get” do Debian, que tamb?m foi portado para o Conectiva na vers?o 6.0, o “up2date” do RedHat, o “urpmi” do Mandrake, o “ports”do BSD. Realmente eles s?o uma m?o na roda quanto a instala??o e atualiza??o de pacotes.
No entanto algumas distribui??es importantes do mundo Linux como Slackware, n?o possuem utilit?rio para instala??o e atualiza??o de pacotes on-line!! Opa, quem disse isso?? ; )
Realmente na distribui??o oficial do Slackware n?o ? inclu?do nenhum utilit?rio do estilo apt-get, mas com os milhares de slackusers espalhados pelo mundo seria imposs?vel que algu?m n?o tivesse desenvolvido um script para tal.
Pesquisando pela internet encontrei v?rios bons scripts que podem realizar as instala??o/atualiza??o de pacotes no slackware, existe tamb?m um sistema similar ao BSD Ports, que baixa os sources ao inv?s de pacotes pr? compilados.

Neste artigo vamos falar sobre o slackpkg que ? um programa bem no estilo atp-get, ele trabalha com pacotes pr? compilados, por?m se voc? est? interessado em implantar o sistema Ports visite o site oficial do projeto: http://slackports.sourceforge.net (o slackports fica para o proximo artigo).

O slackpkg foi um dos scripts que eu achei mais interessantes por isso resolvi escrever sobre ele:
Para baixar o slackpkg clique aqui
Site do Projeto: http://slackpkg.sourceforge.net

Ap?s baixar o programa, instale com o comando:
# installpkg slackpkg-0.92-i386-1.tgz

Em seguida ser? necess?rio configurar a lista de mirrors:
# mcedit /etc/slackpkg/mirrors

Este ? o arquivo que cont?m a lista com os mirrors, ? s? descomentar a linha referente ao mirror que deseja utilizar, s? ? permitido o uso de um mirror por vez, n?o adianta descomentar todas as linhas que n?o vai funcionar 🙂
Entre em: http://www.slackware.com/getslack para obter a mais recente lista de mirrors do slackware, assim voc? pode ir atualizando seu arquivo de mirrors.
Servidores HTTP e FTP s?o suportados pelo programa.

Agora devemos fazer download da lista de pacotes, para isso de o comando:
# slackpkg update

Agora o programa j? est? pronto para usar!
Algumas caracter?sticas interessantes do slackpkg s?o: instalar, reinstalar, remover, atualizar, buscar pacotes nos ftp’s, instalar programas j? patcheados (programas remendados/corrigidos).

Agora vamos a lista de comandos do programa:

Atualizar lista de pacotes:
# slackpkg update

Busca de pacotes, este comando faz o trabalho duro de procurar no MANIFEST.gz, e pode ser utilizado com qualquer arquivo integrante do slackware linux:
# slackpkg search nome_do_pacote

Instala??o de pacotes:
# slackpkg install nome_do_pacote

Remo??o de pacotes:
# slackpkg remove nome_do_pacote

Atualiza??o de pacotes j? instalados:
# slackpkg upgrade nome_do_pacote

Reinstala??o de pacotes:
# slackpkg reinstall nome_do_pacote

Instala??o de patches de seguran?a:
# slackpkg upgrade patches

Se voc? quiser ? poss?vel fazer um upgrade da distribui??o inteira. Configure o seu arquivo de mirrors para apontar para a vers?o current (slackware-current) e de os comandos:
# slackpkg update
# slackpkg upgrade slackware
# slackpkg install slackware

Este artigo vai ficando por aqui!! Qualquer duvida, sugest?o, critica ou elogio ? s? enviar um eMail para drusian@tdkom.com.br , ou poste na se??o de criticas do F?rum.
Espero ter ajudado os SlackUsers : )
Um forte abra?o a toda Comunidade LinuxBSD, At? a pr?xima!!!!

Posted in Sem categoria

Alguns Atalhos_Gnome 2.6

Ol? pessoal andei fussando no Gnome 2.6 e ai descobri alguns atalhos interessantes:

1) Quando abrir uma nova pasta no Nautilus e quiser fechar autom?ticamente a janela anterior basta usar:

shift + duploclick na pasta

2) Quando estiver em uma pasta e quiser subir um niv?l:

ctrl shift seta para cima.

Posted in Sem categoria